terça-feira, 4 de dezembro de 2018

A IMPORTÂNCIA DA ROTINA PARA AS CRIANÇAS

Ter uma rotina ajuda as crianças a se organizarem tanto em questões práticas quanto  emocionais. Repetir todos os dias as ações na mesma ordem traz segurança, baixa a ansiedade, regula o sistema biológico, principalmente sono e apetite e faz com que as crianças possam prever os acontecimentos. Especialistas afirmam que elas se sentem confortáveis quando recebem alguma coisa que já esperavam, e isso dá a sensação de que podem confiar nas pessoas que cuidam delas.


Criar uma rotina diária traz benefícios tanto para as crianças quanto para os pais e deve-se chegar nessa rotina conciliando os horários de todos da casa, porém, sem passar por cima das necessidades dos pequenos.

A rotina pode começar a ser estabelecida logo nos primeiros meses de vida. Deve-se observar antes quais são os horários que os bebês dormem, comem e ficam mais dispostos. Uma dica é dar banho quando está escurecendo, relaxando assim o bebê. Depois, ofereça um jantar leve e propicie um ambiente calmo, com luzes mais baixas e pouco barulho, fale com um tom de voz calmo e conte histórias em um cantinho aconchegante.

Se a criança tiver a rotina definida, é mais fácil contar com a ajuda de outras pessoas, deixar com familiares, amigos da família ou com uma babá. Ao contar com ajuda, os pais já saberão informar quais são as necessidades dela, em quais horários acontecem, qual é a quantidade e tipos de alimentos que gostam. Deixar as crianças pequenas aos cuidados de outras pessoas, principalmente no começo, pode não ser das tarefas mais fáceis. Porém, se têm uma rotina, isso pode acontecer de maneira mais confortável tanto para as crianças quanto para quem cuidará delas na ausência dos pais.

Conforme ficam mais velhas, a rotina vai se modificando de acordo com as necessidades das crianças. Mas com certeza o fato de já estarem acostumadas a ter uma rotina  facilita a adaptação aos novos horários, a organização dos materiais e das tarefas. O efeito disso no futuro é a capacidade de organização nos estudos, na vida pessoal e mais a longo prazo, na vida profissional.